Suzane Hammer
Suzane Hammer

Pratos da Geórgia

26 de dezembro de 2019
Eu QueroLugares Pela Europa

Na Geórgia existe uma lenda que diz, que Deus deixou cair pedaços de comida na região do Cáucaso. Dessa forma, o solo georgiano se tornou abençoado. Não resta dúvida que um dos grandes prazeres da vida é comer. A Geórgia é o país certo para isso, você vai se surpreender com os pratos típicos do país.

Sejam esses sabores, exóticos, estranhos ou engraçados, muitas vezes, nossos hábitos alimentares nos fazem ficar receosos em provar algo diferente, principalmente pelo aspecto e aroma. Através dos alimentos, frutas, hortaliças e pratos típicos, descobrimos segredos de famílias, tradições religiosos e até, a sobrevivência de um povo tanto no seu passado como presente e futuro.

A palavra “supra” que no idioma georgiano significa banquete ou mesa georgiana. Toda celebração ou ocasião especial, tem grande importância social no pais. Sempre haverá uma mesa muito farta com os principais pratos acompanhados de vinhos georgianos, muitos ainda produzidos artesanalmente.

Com base em variedade de carnes, vegetais, nozes e ervas aromáticas , é possível saborear diversas pratos típicos como :

KHACHAPURI

Khachapuri Foto: Suzane Hammer

Este é o prato mais tradicional e famoso da Geórgia. Conforme a região, um toque especial e diferente é acrescentado à massa ou recheio. Com consistência de pão, um pequeno circulo de massa é esticado e no seu interior colocas-se queijo e as bordas são fechadas, deixando o queijo oculto. Após a preparação, é só assar

Este é um prato muito difundido podendo ser facilmente encontrado tanto em restaurantes mais requintados ou ate mesmo em pequenos comércios.   

KHINKALIS

Khachupuri Foto: Suzane Hammer

São os famosos “dumplings “ georgianos. Feitos com uma massa fina e recheada com carne que pode ser carne bovina , cordeiro, ou porco , ou mesmo com cogumelos ou queijo. Com um processo bem artesanal, pequenas bolsinhas torcidas são cozidas em água quente.

A arte de comer o khinkalis também faz parte do folclore tradicional . Segundo a etiqueta , estes bolinhos devem ser polvilhados com pimenta preta e comidos com as mãos. Nunca deve se comer o topo chamados de “Kudi” e sim deixados no prato para mostrar quantos khinkalis cada pessoa comeu. Nunca dever ser utilizados talheres para come-los.

CHUCHKHELA

Chuchkhela Foto: Suzane Hammer

É o doce nacional da Geórgia. Preparado com suco de uva, nozes e farinha. Facilmente encontrado em pequenos comércios, assim como em barraquinhas turísticas e mercados da cidade.

Com a aparência de um salame colorido, são feitos colares de barbantes com pedaços de nozes e mergulhados em um grosso creme preparado com suco de uva e farinha. Após mergulhados 2 vezes no creme, ficam pendurados por aproximadamente 2 semanas até a secagem estar completa e prontos para serem consumidos.    

Mas não poderíamos encerrar sem citar os famosos vinhos e bebidas típicas. A 8000 anos atrás, vestígios arqueológicos foram encontrados dando  possivelmente, o título aos georgianos, como os primeiros produtores de vinhos do Mundo.

Os vinhos da Geórgia já são reconhecidos por sua excelência e amplamente consumidos no país. Existem mais de 500 variedades de uvas em seu pequeno território. Muito produtores já possuem modernos métodos de produção como a maioria dos países produtores de vinhos. Mas ainda é possível encontrar tradicionais e artesanais produtores que ainda usam métodos caseiros como a 8000 anos atrás com grandes ânforas de barro chamados de “qveri” e fechados com argila e posteriormente enterrados no solo. O tempo de mantê-los enterrados depende do tipo de vinho a ser produzido.

Ainda existem um grande numero de famílias que utilizam essa técnica milenar para produzir seus vinhos de forma natural e sem conservantes. Desde 2013, esta técnica de vinificação faz parte do Patrimônio Imaterial da Humanidade da Unesco.

Outra bebida produzida é a Chacha. Acredita-se ser uma das bebidas destiladas mais antigas do Mundo. Seria um licor bem forte, praticamente uma aguardente, feita a partir de restos de uvas, ou mesmo de frutas como laranjas ou tangerinas.

Geórgia é um pais encantador. Com belas paisagens, montanhas, vales, estações de esqui, águas termais, boa comida acompanhada de belos vinhos. Vale muito a pena conhecer este pequeno pais que veio mostrar ao mundo, sua historia, costumes e muita beleza.

Ainda tímida, incluir a Geórgia em seu roteiro de viagem, lhe mostrará um país repleto de historias e costumes de um povo que deixou marcas profundas e importantes para a humanidade.

Leia Também
Comente com o Facebook
Deixe seu Comentário